Fale Conosco

Unidade MACEIÓ

Rua José Soares Sobrinho, 119 | Jatiúca - Maceió / AL

Conheça a Unidade Recife - PE

Boletim ONLINE

Acesso à área restrita

ícone título Fique por dentro

O que é Biopirataria?


Fonte: Site de Curiosidades

Ela ocorre no Brasil, mais do que pensamos... O termo “biopirataria” foi lançado em 1993 para alertar sobre o fato que recursos biológicos (animais e vegetais) e conhecimento indígena estavam sendo apanhados e patenteados por empresas multinacionais e instituições cientificas, e as comunidades, que durante séculos usam e conservam estes recursos e que geraram estes conhecimentos, não estão participando nos lucros. De modo geral, portanto, biopirataria significa a apropriação de recursos biogenéticos e conhecimentos, por indivíduos ou por instituições que procuram o controle exclusivo ou monopólio sobre estes recursos e conhecimentos, sem autorização e sem a repartição justa e eqüitativa de benefícios oriundos destes acessos e apropriações.

É de conhecimento de todos que a Amazônia possui a maior biodiversidade do planeta. Sabemos também dos interesses das grandes multinacionais da bioindústria (ind. Farmacêutica) sobre os recursos da biodiversidade amazônica. Os acessos a essas riquezas muitas vezes ocorrem de forma repreensível e antiética, e como foi exposto, sem nenhum controle. Alguns produtos e chás patenteados fora do Brasil, e só são produzidos aqui: Açaí, Andiroba, Cupuaçu, Espinheira Santa, Unha de Gato, entre outros analgésicos e medicamentos vindos de pequenos animais, como aranhas e insetos.

Além deste fator, ainda pode-se contar com inúmeras madeireiras ilegais, que não tem nenhuma preocupação com o meio ambiente, e levam madeira a todos os cantos do mundo, sem nenhum controle, aparecendo imensos desertos no meio da mata, e devido ao solo frágil daquela área, sofre com a laterização (solo torna-se ferroso), e com a erosão.
Mais informações em http://www.biopirataria.org.


< Voltar